quinta-feira, novembro 23, 2006

Papai... e outro papai

O local é o Estado de São Paulo, no Brasil. O cenário é uma sala de tribunal. Os intervenientes são dois homens que formam um casal homossexual - Vasco Pedro da Gama e Júnior de Carvalho - e uma menina de cinco anos chamada Theodora. Em causa o direito de adoptarem em conjunto a criança, algo difícil num país onde ainda não é permitido o casamento e adopção por pessoas do mesmo sexo. Não é, mas já esteve (muito) mais longe. Theodora já tinha sido adoptada por Vasco enquanto pai solteiro e o juíz federal decidiu que os dois homens podem partilhar a adopção da criança. É uma decisão importante, mesmo podendo não ter valor efectivo fora do Estado de São Paulo, já que lança mais uma acha para uma fogueira política que arde há muito no Brasil e que vai dando os primeiros sinais de quebra da discriminação legal de cidadãos homossexuais. E isto num país de um catolicismo bem mais fervoroso que Portugal...

E para quem está já a pensar no que é que vai acontecer a Theodora, ponham os olhos no seguinte vídeo de um programa holandês onde, espante-se César das Neves e afins!, o ter duas mães ou dois pais é encarado com a mesma normalidade que ter um pai e uma mãe. Sem complexos, sem medos e sem preconceitos. Via Devaneios Desintéricos:

">

Já agora, e para coroar esta entrada 100% gay, aviso quem ainda não sabe que está em linha na internet uma petição à ONU para pedir a descriminalização universal da homossexualidade, punida ainda com penas de prisão ou mesmo de morte em diversos países. Podes contrubuir com a tua assinatura aqui.

1 comentário:

max disse...

estou viciado nesta música :))